segunda-feira, novembro 05, 2012

Lady Olivier - Vivien Leigh

Ela nasceu com uma missão: Se imortalizar como Scarlett O'hara num dos maiores clássicos cinematográficos de todos os tempos ...E o vento levou (Gone with the wind). E foi lendária sua escolha pra esse papel.
Lady Vivian Leigh Olivier (née Vivian Mary Hartley) recebeu o título das mãos da Rainha da Inglaterra quando era casada com Sir Laurence Olivier, porque quem era devotada, loucamente apaixonada. O sobrenome Leigh veio do primeiro casamento.
Vivien (05/11/1913 – 08/07/1967) teve uma vida breve, porém conturbada. Quando li sua biografia Vivien Leigh - Anne Edwards, me comovi com a trajetória da dessa linda atriz, de quem já era fã.
considerada uma das mais belas e importantes personalidades do século XX, aclamada por sua beleza, ela sentia que isso às vezes atrapalhava o público de vê-la como uma atriz séria. Afetada por um distúrbio bipolar durante a maior parte de sua vida adulta, o humor de Viv era quase sempre não-entendido pelos diretores, e ela ganhou a reputação de ser uma atriz difícil, mas não por ter temperamento forte, mas pela doença que lhe maltratou muito (quem leu a bio acredita, eu penso assim).
Seu outro papel marcante foi o de Blanche Dubois em Um bonde chamado desejo (A streetcar named desire), o qual lhe conferiu um segundo Oscar, mas dizem que essa personagem lhe levou à loucura. Ela jamais se livrou dele. Com saúde fragilizada e submetida a tratamento agressivos, como a lobotomia e os constantes ataques de bipolaridade, o fim do casamento com seu amado Olivier e a tuberculose, doença da qual já sofria há tempos, pois era uma fumante inveterada, tudo isso foi demais e Scarlett O'hara morreu subitamente  08 de julho, há 45 anos passados.

Seu corpo foi cremado e suas cinzas espalhadas no Lago no moinho Tickerage, perto de Blackboys, Sussex na Inglaterra.
Infos.
Por ter trabalhado duro durante ...E o vento levou e conseguido o papel que tanto queria e tanto lhe aclamaria, há relatos que dizem que ela derramou muitas lágrimas e teve muitas crises durante as últimas semanas de gravação do filme.
Vivien era portadora de uma doença que interferia negativamente na sua vida pessoal e profissional. Essa doença, denominada na época de transtorno maníaco-depressivo, hoje leva o nome de transtorno bipolar, cujo sintoma é a constante mudança do estado de humor, que varia entre um grande estado de excitação e uma prostrante depressão. Esta doença impediu-a de terminar as filmagens do filme No caminho dos elefantes, o que fez com que fosse substituída por Elizabeth Taylor.
Durante as filmagens de ...E o vento levou, ninguém na produção acreditava que Vivien Leigh fosse resistir ao charme de Clark Gable, intérprete de Rhett Butler. Mas, na verdade, eles não se entendiam.
Viv odiava o hálito de Gable - ele comia cebolas de propósito, poucas horas antes de gravar - e o cheiro de licor, que a deixava com náuseas. Ele revelou que, quando a beijava, pensava em bife. Na verdade, na pele de Rhett Butler ou Scarlett O'Hara ou na de Clark Gable e Vivien Leigh, eles jamais se entenderam.
Ei Iza, ela foi  muito fotografada pelo Cecil Beaton pra editoriais de moda de revistas como a Vogue. Pena que não dá pra por as fotos. São tantas e ia pesar demais.

11 comentários:

Lulu disse...

Vivien Leigh era lindíssima. Vi poucos filmes dela. Apenas E o vento Levou e uns pedaços de Anna Karenina que este ano vai ganhar uma nova versão.
Big Beijos

Iza disse...

A Vivien era muito linda e talentosa. Não sabia que ela era bipolar. Lidar com pessoas bipolares deve ser díficil por conta da mudança de humor. É ela era bem amiga do Cecil. Adoro as fotos dela tiradas por ele.
Beijos <3

Ruby disse...

Era bipolar e sofria e os outros sofriam. Quando li a biografia dela fiquei super triste por ver a beleza dela se acabar tão rápido por conta da doença. Por ver a vida curta que teve. Vale a pena ler.

Pedrita disse...

lindíssima. beijos, pedrita

Bruno disse...

Vivien era uma atriz de beleza rara e muito talento.Não sabia que a bipolaridade fazia parte de sua vida,gostaria de ler sua biografia para entender mais.
Um forte abraço!

Bruno

Nicole Olive disse...

mt diva!

Grande beijo
umanoitemparis.blogspot.com

Luma Rosa disse...

Clark Gable tinha mesmo mau-hálito! Duvido que comesse cebolas só para aborrecer Vivien Leigh.
Um Bonde Chamado Desejo ou Uma Rua Chamada Pecado, como foi dado o título no Brasil é um dos melhores filmes que assisti e para mim, o melhor personagem vivido por Marlon Brando. Aliás, todos os atores nesse filme trabalharam divinamente e tinham suas porções de loucuras devidamente colocadas. Vivien Leigh passa o filme todo com cara de louca, se estava doente, não sei.
Pauline Kael, crítica americana, afirmou que, em Uma Rua Chamada Pecado, encontramos duas das maiores atuações do cinema. Ela se referia a Vivien Leigh e Marlon Brando.
Adoraria ler essa biografia, Ruby!

Rubi disse...

Mas que prazer recebê-la em meu blog Ruby! Sou suspeita pra falar da Vivien Leigh; já vi quase todos os seus filmes. Nossa eterna Scarlet O'Hara!

Excelente post.
E volte mais vezes, será um prazer.

Dilberto L. Rosa disse...

Ah, pois faça um post só com essas fotos: a Vivien era tão linda que merece...

Grandes histórias: também conhecia o lamentável fim da sua vida... Muito triste Sir. Olivier não ter aguentado o tranco dos problemas psicológicos da sua amada...

Abração, Bonequinha Imperatrizense!

Mary disse...

amiga AMEI o post, amoro Vivien Leigh, assisti e o vento levou meio tarde, com 13 anos e me apaixonei por ela na hora, recentemente fui ler mais sobre a vida dela, também me entristeci bastante com o que li, imagino o qto ela deve ter sofrido por conta da doença dela.. no box comemorativo de 70 anos de e o vento levou tem um curto documentário sobre a vida da Vivien Leigh também, muito interessante.. de tudo que já li/vi só senti o fato dela e do Clark Gable não se darem bem.. beijos mil e ótimo findi..

P.S.: os códigos são uma M**** mesmo hein?? só não tirei ainda pq andei com algumas xaropadas no blog, mas tô pensando sobre isso..

Dayane Pereira disse...

Me impressiona mto como essas atrizes antigas eram sempre lindas! Digo assim fisicamente mesmo, um rosto, um cabelo radiante. Mas sempre tem aqueles probleminhas de pessoas "normais" né. Não conheço mto dessa atriz, mas sempre é bom entrar aqui e descobrir estas curiosidades e ficar informada!
=*