quarta-feira, agosto 31, 2011

Consumismo


Endorfina mode on!
Por que consumimos tanto?
Não sou consumista, porque não tenho dinheiro suficiente pra isso, não tenho vergonha nenhuma de confessar.
Mas adoro umas comprinhas!
Hoje compramos um celular, por exemplo,( item mais vendidos nas datas comemorativas onde há trocas de presentes) não demora muito e  já queremos outro modelo. Parece que o que temos já não nos satisfaz, porque já conseguimos comprar e como a sede não sacia nunca já queremos outro.
As coisas exercem forte sedução.
Mulherada não pode ver um anúncio de liquidação que já fica de olho e quer ver o que tem de "bom".
Coisa legal demais é bater perna em shopping, com as amigas então! As vitrines são um convite, uma sedução e muitas vezes caímos em tentação, nem saímos pra isso, mas acabamos cedendo.
Nunca o ato de comprar pareceu tão natural! Hormônios em ebulição!
Sair carregadas de sacolas é sonho  de muitas de nós. A gente tem esssa ideia de extravasar a raiva, esquecer uma coisa ruim ou triste fazendo compras. Belos anúncios, produtos que atraem, tudo enche os nossos olhos.
Às vezes me pego refletindo sobre essa loucura toda, principalmente quando entro nos blogs de moda que viraram mania e as garotas exibem coisas lindas e se acabam nas compras, nesse hora a sensatez bate e me pergunto pra que tanta roupa, sapatos, acessórios, mas vejo que isso faz parte dos tempos atuais. Enfim, é o progresso, boa fase financeira das pessoas (graças  Deus!), mas é preciso ter coragem de fugir, de coisas que acabam sendo futilidades e assumir um pouco de sustentabilidade, afinal de contas se frearmos um pouco, o planeta agradece. Viver é mais do que isso!

13 comentários:

Dama de Cinzas disse...

Eu sou pouco consumista com muita coisas, muito consumista com algumas coisas. Por exemplo, detesto comprar roupa, sapatos, vestuários em geral, acho tedioso, só compro porque preciso, não tenho paciência para lojas cheias e ficar experimentando, affe. Experimentar roupa é algo que odeio.

Por outro lado adora consumir cosméticos e cada época é um item que estou fixada. Agora é a época da maquiagem, ando comprando tudo que vejo... rs

Beijocas

Maggie May disse...

comprar é a melhor terapia, nem sei dizer porque, mas só quando não estouramos o cartão!!! rsrss

Luna Sanchez disse...

Eu gastaria mais dinheiro se o tivesse em sapatos, maquiagens e coisas pra cozinha, frescurinhas todas, sem culpa alguma.

=D

Um beijo.

Paulinha Leite disse...

Confesso que eu tb adoro fazer umas comprinhas!! ^_^
Mas o mundo de hoje esta deveras consumista, isso é um fato! A cada dia uma novidade e lancada.
Uma ótima quarta-feira pra vc, milhoes de sorrisos :)

Ruby disse...

Luna, exatamente com o que gasto além do que poderia.

Lulu on the Sky® disse...

Se eu pude$$e gastaria mais dinheiro com sapatos, roupas e maquiagem. Mas nem tudo é possível. Muita gente compra muita coisa e depois acaba encostando. Só troquei de celular pq o meu pifou e só trocaria o atual por um iphone.
Big Beijos

Márcinha Mendonça disse...

Compritichas e tdo de bom, mas tudo tem que se ter cautela, e bom senso, assim fica tdo em Harmonia perfeita, se ficarmos, usando tdo que tá na moda, ficamos devendo até a alma rs bjus flor

Dilberto L. Rosa disse...

Já aconteceu de eu comprar mais DVDs do que realmente podia ver ou mais miniaturas do que minhas estantes conseguiam comportar... Graças a Deus ainda há bastante espaço para livros e CDs, ré, ré! A propósito, caríssima Ruby: venha ser uma heroína nos Morcegos - eles estão de volta! Meu abraço!

Pedrita disse...

eu gosto de consumir, há uns anos tudo ficou mais difícil, mudei alguns hábitos, se melhorar, um deles é guardar mais. e tb não sinto mais falta de tanta coisa, só da paz que dá ter uma situação financeira mais tranquila. beijos, pedrita

Ruby disse...

Pedrita, é isso que estou tentando, melhorar financeiramente, parando de comprar coisas que naquela hora não são necessárias.

Márcinha Mendonça disse...

Minha flor, passando pra desejar um lindo Setembro, que ele seja colorido repleto de doçuras, que ele traga alegrias e vida renovada, beijos :)

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Ruby
Desse mal estou livre, não sou nada consumista. Por exemplo: tenho um celular há mais de 8 anos, só compro outro quando esse estragar, e assim vai...
Bjux

Denise disse...

Eu acho que consumir é bom, mas como tudo na vida, quando há o exagero faz mal. Temos que saber nossos limites. Outro dia vi na TV que no Globo Repórter ia passar sobre um casal que tinha 26 cartões de crédito (!!!). Se a gente souber consumir, podemos aproveitar bastante! Basta termos auto-controle. Difícil de vez em quando né? hehehe...
Bjs