terça-feira, dezembro 30, 2008

THE END
Hora de reservar um espaço no coração para guardar as lembranças boas e felizes, se o ano foi bom, que coisas melhores aconteçam no que vai chegar logo, se não foi, vamos fazer de tudo pra esquecer as recordações e fazer delas uma lição com aplicação.
Já arrumei o guarda-roupa, o armário e tudo que não me servia mais, joguei fora. Tudo está limpo, os espaços que ficaram pelo que saiu, breve serão preenchidos por coisas novos e melhores, eu tenho certeza. Na hora de se desfazer de algumas coisas, a gente pára um pouco e volta no tempo, lembrando que aquilo que está em nossas mãos teve uma história, foi novo, mas agora não serve mais, assim são as coisas que acontecem, algumas, infelizmente não dá pra apagar da memória, mas, vamos administrando de maneira que quando aflorarem, façamos algo pra lembrar que só trouxeram um ensinamento.
Ano novo, esperanças se renovam, mesmo que a gente ache que tudo é igual ou que não vai mudar, vamos combinar, no fundo, a gente sempre tem esperanças, porque sem ela, do que adiantaria viver? Em 2009, as esperanças permaneçam verdes pra que o mais breve possível amadureçam e a gente possa colher. Espero que você tenha plantado.
FELIZ ANO NOVO
As chaves do sucesso:



FÉ - HUMILDADE - RESPEITO - PACIÊNCIA -
COMPAIXÃO - CORAGEM - PERSEVERANÇA

terça-feira, dezembro 23, 2008

SOBRE PERDÃO (tarefa difícil)



O principal ingrediente do perdão é o amor.
Muitas vezes, é necessário perdoar por vontade, dando tempo ao tempo para que os sentimentos sejam trabalhados e as feridas sejam curadas.
O perdão começa quando tiramos de nossa mente as ofensas passadas.
O verdadeiro perdão exige meditação e planejamento. Perdão é o desejo de buscar novas soluções, encontrando um caminho que não seja nem o nosso, nem os dos que nos ofenderam, mas um que seja mutuamente aceitável. Perdoar faz bem a nós mesmos.Quando não se consegue perdoar alguém o que acaba acontecendo é que se traz feridas pra alma, feridas que podem dar origem a um câncer, físico, posto que a própria alma já se encontra enferma. Uma vez que não se libera o perdão, exerce força maior sobre nós, aquele que nos feriu. E ninguém tem o poder de nos dominar. Quando um dos discípulos de Jesus indagou-lhe a respeito de quantas vezes deveria se perdoar a alguém, Jesus em sua infinita sabedoria lhe disse que não somente sete, mas setenta vezes sete, isso significa que não se vai pegar um bloquinho e sair por aí anotando o nome de cada pessoa que nos feriu e contar as vezes que lhe perdoamos, mas significa que todas as vezes serão necessárias.
Por que não queremos doenças físicas, mas alimentamos resíduos que se transformam em doenças na alma, cuja prescrição médica não existe? Liberar perdão nos faz pessoas fortes, pois nem mesmo um sentimento tremendo como esse consegue nos vencer. Fácil não é, mas devemos buscar forças. A busca do perdão nos libera para recebermos a misericórdia de Deus, afinal, é perdoando que se recebe perdão.

Esta é a minha mensagem de natal, porque não há nada que traga mais alívio à alma do que se sentir livre e a liberdade também a trazida pelo perdão.


sábado, dezembro 20, 2008

EM DEZEMBRO JÁ
Dezembro cinzento e chuvoso, os dias têm começado debaixo de muita água, encaro como bênção, em meio a um tempo seco e quente, mas também com receio, por ver tanta destruíção trazida por ela, pessoas desesperadas quando vêem o que levaram anos contruindo se acabando em poucas horas. Adoro dias de chuva, mas confesso que tem me dado medo esses dias. A cada dia nos noticiários se vê mais cidades inundadas, tomadas pelas águas da chuva.
Às vezes, não seguro as lágrimas ante o depoimento dessas pessoas.

Há dias que venho tentando atualizar, mas tantas são as ocupações em dias de encerramento de trabalho, hoje posso dizer que cumpri minha missão profissional de 2008. Ontem jantar de confraternização na empresa, festa temática, brega, muito divertida. Livre para as férias. Viagem, não sei, mas vontade tenho e muita. Só sei que pretendo descansar muito, recarregar as energias pro que vem logo de novo.

Com a correria que o mês de dezembro representa pra muita gente, em relação às compras, estou tranqüila, da minha lista, já adquiri tudo (agora é so pagar alguns itens, ai, ai, meu credit card!!!) Aí la lista de cosas: