domingo, maio 01, 2005

Decepções e frustrações, sonhos que morreram antes de nascer.

Porque cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é.

Gostaria muito da saber a delícia.



Quer saber: Vou sair, espairecer, andar, sorrir, encontrar quem me traz alegria e deixar pra lá a tristeza e a decepção, ninguém vai me deixar arrasada. Muito menos quem não vale a pena. É a educação que molda o caráter.

Nenhum comentário: